Skip to main content

Fórum debate soluções sustentáveis e inclusivas para São Paulo

Fonte: SecoviSP

O Fórum “Cidades Melhores: Rumo a uma São Paulo mais Sustentável”, realizado por Secovi-SP e Abrainc, com apoio institucional da Prefeitura de São Paulo, aconteceu na segunda-feira, 18/3, na Praça das Artes (Centro Histórico de São Paulo), reunindo representantes do setor privado, do poder público e da sociedade, que debateram práticas e soluções focadas em inovação das políticas de desenvolvimento urbano, preservação ambiental, mitigação das mudanças climáticas e promoção da inclusão social.

A abertura do evento contou com participação do prefeito da cidade de São Paulo, Ricardo Nunes; e dos presidentes das duas entidades organizadoras: Rodrigo Luna (Secovi-SP) ; e Luiz França (Abrainc).

O prefeito Ricardo Nunes destacou a relevância do evento e da cooperação entre entidades e parceiros, que permitem impulsionar a cidade para um ciclo virtuoso na economia e de contribuir para enfrentar um dos principais desafios urbanos. Já o presidente da Abrainc, Luiz França, chamou a atenção para o grande potencial da capital paulista, que representa 9% do PIB, mas, que, apesar dessa significativa contribuição para a economia do país, ainda enfrenta desafios importantes, como o déficit habitacional.

Para o presidente do Secovi-SP, Rodrigo Luna, ter foco e consenso para implementar as mudanças necessárias para São Paulo são cruciais para seguirmos na direção do crescimento. “A meta é que essa agenda sirva de inspiração para outras cidades. São Paulo sempre se destacou pelo seu protagonismo. Que possamos, então, incluir no currículo de nossa cidade as medidas e as práticas voltadas à inclusão social, à sustentabilidade e ao conceito ESG, sempre tendo em mente que o acesso à moradia digna é determinante para o alcance dos nossos objetivos”, destacou. Confira a íntegra do pronunciamento do presidente Rodrigo Luna.

Painéis temáticos

O encontro, composto por oito painéis em formato de mesa-redonda, abordou os seguintes temas: Governança e Planejamento Urbano, Habitação Sustentável, Ação Climática e Resiliência, entre outros tópicos, em direção a uma São Paulo cada vez mais valorizada, sustentável e inclusiva.

A secretária de Desenvolvimento Econômico e Trabalho de São Paulo, Aline Cardoso, moderou o primeiro painel sobre os desafios e oportunidades da sustentabilidade e ESG, com a participação de Diogo Mac Cord, sócio Líder Mercados Regulados da Consultoria EY.

Claudio Bernardes, vice-presidente do Secovi-SP, fez a mediação do segundo painel “Governança e Planejamento Urbano”. A primeira mesa-redonda sobre políticas públicas e regulamentações contou com a participação de Vitor de Carvalho Pinto, coordenador do Núcleo Cidade e Regulação do Laboratório do Insper e de José Armênio de Brito Cruz, secretário adjunto de Urbanismo e Licenciamento da Prefeitura de São Paulo.

“Eficiência Urbana e Qualidade de Vida” foi o tema focalizado na segunda mesa-redonda, que trouxe as contribuições de Miguel Luiz Bucalem, coordenador científico do USP Cidades; Fabrício Arbex, secretário municipal Casa Civil de São Paulo; e Hubert de Carvalho, diretor de Incorporação e Marketing da Canopus Holding.

A moderação do terceiro painel sobre Inclusão e Qualidade de Vida ficou a cargo de Aron Zylberman, conselheiro IRB (Re) e diretor executivo dos Institutos Cyrela e SYN. Participaram dos debates sobre habitação acessível, inclusiva e sustentável, o secretário adjunto de Habitação de São Paulo, Sidney Nery; a diretora da Construtora Tenda e diretora de Habitação Econômica do Secovi-SP, Daniela Ferrari; e a copresidente da Diagonal Social, Katia Melo. a diretora de Desenvolvimento da MRV, Camila Fiuza, apresentou o case do bairro sustentável Cidade Sete Sóis, localizado em Pirituba, região noroeste da capital paulista.

Participantes puderam acompanhar o evento presencial, realizado na Praça das Artes

O quarto painel, logo após o almoço, incluiu a apresentação de uma pesquisa inédita, realizada em parceria com a Brain Inteligência Estratégica, que investigou os desafios e as expectativas das pessoas que residem e interagem com o ambiente urbano em São Paulo.

“Meio Ambiente e Clima” foi o tema do quinto painel, moderado por Roberto de Souza, presidente do CTE, que falou sobre os desafios climáticos e soluções sustentáveis e, em seguida, fez a mediação da mesa-redonda “Construções Sustentáveis como estratégia para mitigação das mudanças climáticas”, que contou com os debatedores José Renato Nalini, secretário executivo de Mudanças Climáticas da Prefeitura de São Paulo; e Angel Ibanez, da Tegra Incorporadora. Ronaldo Passeri, CEO da Tecverde, apresentou um case sustentável.

Os desafios para resiliência urbana foi o tema focalizado na segunda mesa-redonda com Rodrigo Ravena, secretário municipal do Verde e Meio Ambiente de São Paulo; e Felipe Bittencourt, CEO da WayCarbon. A apresentação do case foi feita por Fernando Assad, cofundador da Vivenda.

Em seguida, o vice-presidente de Tecnologia e Sustentabilidade do Secovi-SP, Carlos, Borges, moderou o painel sobre Soluções Sustentáveis, que contou com a participação de Fábio Dans, gerente executivo de Serviços Digitais da Atlas Schindler; e de Arthur Covatti, CEO e cofundador da Deep ESG.

No painel de encerramento, o presidente executivo do Secovi-SP, Ely Wertheim; o diretor da Abrainc, Vladmir Szlaji; e a secretária Aline Cardoso, destacaram a importância do evento, tanto em participação quanto em conteúdo, e manifestaram a intenção de promover novas edições para dar continuidade ao diálogo para construir uma São Paulo mais sustentável.

Importantes empresas apoiaram e patrocinaram o Fórum: Atlas Schindler, Brain, WayCarbon, Tecverde e Deep ESG. O encontro também contou com o patrocínio de incorporadoras e construtoras, como BRZ, Cambur, Cury, Exto, Grupo Nortis, Maximo Aldana, Mitre, MRV, Plano&Plano, Setin, Tegra, Tenda e You,inc.

Assista a íntegra do evento, acessando o link.

Outras notícias

Tecverde conquista o Prêmio Inovainfra pelo Segundo Ano Consecutivo

10/04/2024
Hoje, temos o prazer de compartilhar uma notícia muito especial: Pelo segundo ano consecutivo, a Tecverde recebeu o Prêmio Inovainfra,...

Aplicação do BIM ajuda a reduzir custos e da pegada de carbono

04/04/2024
Fonte: Agencia CBIC Fazer um mapeamento de cada item e procedimento de uma construção pode trazer resultados positivos na redução...

ENIC debate impacto da reforma tributária na industrialização da construção

03/04/2024
Fonte: Agência CBIC A reforma tributária emerge como um ponto central de discussão na necessidade atual da indústria da construção...

Industrialização traz inovação e sustentabilidade para a construção

27/03/2024
Nos últimos anos, o setor de habitação tem enfrentado grandes desafios como reduzir o déficit habitacional e se adaptar às...