Skip to main content

Vendas de novos imóveis cresceram 12,8% em 2021

Fonte: Agência CBIC

O número de vendas de novos imóveis cresceu 12,8% em 2021, em comparação com o ano de 2020. Os lançamentos registraram aumento de 25,9% e a oferta final fechou o período com 3,8% de crescimento. Considerando somente os três últimos meses do ano, em relação ao trimestre anterior, as vendas subiram 3,6%, os lançamentos cresceram 24% e a oferta final ficou em 10,4%.

As informações fazem parte do estudo Indicadores Imobiliários Nacionais do 4º trimestre de 2021, realizado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional), em parceria com a Brain Inteligência Estratégica. O trabalho foi divulgado em coletiva de imprensa online nesta segunda-feira (21), com os dados coletados e analisados de 176 cidades pesquisadas, sendo 22 capitais, de Norte a Sul do país. Algumas cidades foram avaliadas individualmente ou dentro das respectivas regiões metropolitanas.

De acordo com o levantamento, os lançamentos e as vendas do segundo semestre foram afetados pela mudança do cenário econômico e principalmente pelos efeitos do aumento de custos dos insumos da construção. Além disso, houve uma redução efetiva no poder de compra das famílias. Entretanto, de acordo com o presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), José Carlos Martins, apesar da perda de dinamismo no último trimestre, o ano se encerrou com saldo positivo no mercado imobiliário.

“Vontade de compra tem, a questão é se o imóvel cabe no bolso. Continuamos crescendo, mas se não acontecesse o aumento dos insumos o ano teria sido muito melhor, inclusive porque houve redução do poder de compra devido ao aumento de inflação e taxas de juros. O IPCA chegou a 10% e o Índice Nacional da Construção Civil (INCC) foi o dobro (20%), ou seja, o custo da construção subiu mais que a reposição de salários e isso descasa com a capacidade de compra da tão desejada casa própria. Hoje deixamos de vender porque as pessoas não têm capacidade de compra. E o emprego de amanhã pode ser prejudicado com as baixas vendas de hoje” alertou Martins.

Segundo Celso Petrucci, presidente da Comissão da Indústria Imobiliária da CBIC, os preços dos imóveis registraram aumento de 6,12% no último trimestre de 2021, em relação ao trimestre anterior. Petrucci destaca que as construtoras não estavam repassando o aumento nos custos ao preço, mas que agora o consumidor final está absorvendo a elevação dos materiais.

“Tivemos esse crescimento de 6%, mas quando observamos a curva do INCC não houve reposição total de preço. Outra coisa bem característica é o fato de ser muito mais difícil repor preço no Casa Verde Amarela do que nas unidades de mercado, pois acaba saindo do bolso do consumidor essa diferença”, destacou Petrucci.

No programa habitacional Casa Verde e Amarela (CVA), as vendas aumentaram 3,4% em 2021 em relação ao ano anterior. Para o presidente da CBIC, o mercado deve ser afetado positivamente pela nova curva de subsídios que entrará em vigor entre março e abril deste ano. A expectativa da CBIC é que a melhora nas vendas do CVA poderá fazer com que os números dos indicadores de 2022, em unidades, fiquem próximos a 2021. “Uma nova compensação do Casa Verde Amarela está prevista para março e é positiva. Com essa melhora da nova curva de subsídios do FGTS, a expectativa é de ter um ano de estabilidade, com crescimento no programa habitacional e um pouco de redução em outros nichos de mercado”, ressaltou Martins.

Clique aqui e leia a matéria completa

Outras notícias

TalkHome: Brain e Aelo divulgam dados inéditos sobre mercado de loteamentos

11/05/2022
O próximo TalkHome já tem data marcada: 19/05 e irá trazer uma pesquisa inédita apresentada pela Brain Inteligência Estratégia em...

Parkside Carvoeira | Live de Lançamento

10/05/2022
A Tecverde fechou uma nova parceria com a Parkside e você pode escrever esta história com a gente. Depois do sucesso do Parkside Sapiens, empreendimento...

A Tecverde mudou. Seja parceiro nesta nova História

09/05/2022
Você já deve ter visto (nas redes sociais ou site) a divulgação dos nossos novos modelos de negócio. Estamos focando...

Caixa anuncia novo pacote de medidas para o setor imobiliário

03/05/2022
Fonte: Redação ABRAINC, com informações da Caixa O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, anunciou nesta quinta-feira (28), um novo pacote...