Na noite desta quinta-feira, 08 de dezembro, a TecverdPREMIO BEM FEITO -TECVERDE -224e recebeu o prêmio Bem Feito no Paraná, que visa reconhecer as companhias com sede no Paraná que atingiram nível de excelência em gestão. A premiação aconteceu durante o evento Empreender promovido pela Gazeta do Povo e a Tecverde ficou com o primeiro lugar na categoria Pequenas e Médias Empresas.  

Segundo a matéria que saiu hoje na Gazeta do Povo , excelência foi a palavra-chave para o sucesso da Tecverde Engenharia. Lucas Maceno, diretor da empresa, conta que a admiração por outras empresas do ramo da construção e da indústria fez com que eles buscassem modelos que pudessem ser adequados e aplicados nos seus padrões. “Só o fato de participar de um processo como esse já é um grande motivo para estar aqui, porque isso vai gerar resultado”. Em outubro de 2016, a Tecverde conseguiu dobrar o faturamento com relação a 2015.

“Esse reconhecimento mostra que é possível começarmos pequenos, termos um sonho grande e nos tornarmos gigantes no caminho, fazendo bem feito, com inovação e sustentabilidade. Queremos agradecer a todos que fazem parte da nossa história e tornam possível e real este sonho. Parabéns também a todas as outras empresas vencedoras, só mostrando o nosso melhor que daremos o exemplo para o nosso país”, Pedro Moreira, diretor da Tecverde.

Veja no vídeo o agradecimento da Tecverde:

 

 

COMO FOI A AVALIAÇÃO DAS EMPRESAS: Para definir o ranking, as empresas passaram por três etapas de avaliação. Primeiro, responderam uma pesquisa elaborada pelo Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP) que avaliou a dinâmica financeira, de clientes, processos, pessoas e inovação em cada uma das empresas. O questionário tinha 70 perguntas com alternativas que indicavam o nível de maturidade apresentado em cada questão. As melhores pontuadas na pesquisa foram entrevistadas pelo diretor do IBQP, Fernando Lorenz. Na conversa, ele verificou de que maneira as perguntas foram aplicadas e quais setores das empresas participaram.

A terceira etapa foi a avaliação das finalistas por uma banca composta pelo IBQP e a Gazeta do Povo, que verificou o desempenho na pesquisa e o histórico de desenvolvimento das empresas. “Foi muito difícil definir o ranking final, porque as empresas responderam o questionário com responsabilidade, com consciência e ética, o que prova que o bom desempenho já acontece, que elas já têm excelência em gestão”, relata Lorenz.

 

Copyright © 2017
Ir para o topo